quinta-feira, 10 de abril de 2008

Corrida eleitoral

Ah, eleições. Eleições na Bahia é uma coisa linda. No interior do Estado é uma festa de candidatos bizarros a procura de voto em troca de saco de farinha. E olhe que tem gente que cai. Não seria mais fácil ser malandro? Diz que vota mas não vota. Existe até aquela lenda de que o matuto tem que dizer ao candidato qual a cor da roupa que veste na foto da urna eletrônica. Mas ai também é fácil de burlar. É só digitar o número do cara, ver a foto, cancelar a opção e votar corretamente. Mas a gente é burro mesmo.

Em Salvador, já há alguns anos, é um festival de propaganda bizonha. E mesmo dos candidatos com chances de se eleger. Baixaria, então, esse ano podemos esperar muita. Quem tem João Henrique, Imbassahy e Varela como candidatos pode começar a chorar. Esse último, utilizando-se do seu programa não menos bizarro na TV, atirou a primeira pedra essa semana: mostrou no ar uma mulher que diz ter sofrido preconceito racial de uma irmã de Imbassahy. Lindo. Os factóides começam a ser criados, mudanças de partido articuladas e tudo continua como dantes no quartel de Abrantes. Pelo menos para nós, fudidos da população.

6 comentários:

Mr. Mxyzptlk disse...

factóides aparecem, mas fidícil vai ser aturar a massante propaganda política de João Gardenal, ou como queira: Jonga!

pior ainda vai ser o segundo turno. aí você vai ver o que é a desgraceira no caminho da feira!!!

Ombudsman disse...

Quando vejo esses candidatos, dá vontade de sentar e chorar... só tem porcaria. Estamos perdidos.
Eu tenho um blog também. Sobre a imprensa da Bahia. Se puder, entre e comente.

http://folhadaprovincia.blogspot.com/

Obrigado!

v.p disse...

Triste sina da Bahia com seus risíveis lideres, boquirrotos e palhaços. Os meios de comunicação de nossa terra já criaram muitos monstros diretamente, como França Teixeira, Fernando José (que Deus o tenha),Varela e Mário Kertz,o enganador mor. Todos os outros, de certa forma utilizaram os mesmos caminhos, manipulando os meios de comunicaçã para seus interesses políticos pessoais. O povão aceita, agradece e vota, porque o pobre tem palavra, nem que seja pra se ferrar. Então, educar pra quê?

Ombudsman disse...

Olá Rodrigo, coloquei sei blog na minha área da Blogs Interessantes. Dê uma passadinha lá e veja minha análise básica do problema da cobertura dos jogos pelos jornais e sites.

Abraço

Politica disse...

a situação fica complicada ,o que nso resta fazer é lutar por mudança ,não podemos simplesmente eleger alguem e deixar nas maõs deste o futuro ,temos que cobrar ,temos que estar em cima ,só que não adianta isso ser feito por alguns de nós ,tem que ser uma grande mobilização, eu e toda nossa equipe gostamos muito do seu blog ,tbm tmeos um

www.politicanasociedade.blogspot.com

esperamos que acesse ,comente ,e possamos nos ajudar a agir ,obrigado

Marcela disse...

Nao se esqueca do "Mini Me" de ACM: ACM Neto!!!! Ele tbm vai se candidatar a prefeito, hein?!?! E nao se engane, eu ja vi mta "piriguete" da periferia dizendo q vai votar no rapaz pq "Ele eh um gaaaaaaaaaaaaaaaaaaato!!!!". E o povao ainda vem relamar dos governantes depois... tsc tsc tsc.