quinta-feira, 17 de abril de 2008

Canto religioso do novo milênio

Imaginem essa cena bizarra: uma passeata religiosa. Epa, não se ofendam, até porque nem sei exatamente qual religião era aquela. Num domingo de sol a pino. Dezenas e dezenas de senhoras empunhando bandeirinhas e proferindo cânticos evocativos. É um tal de Deus pra cá, Senhor pra lá. Até trio elétrico tinha passeando por aqui nesse domingo de madrugada, às 10h. Ah, e tinha a carreata, daqueles preguiçosos que preferiam ir de carro buzinando.
Cena feita, rolava os cantos clássicos, tipo: “Glóriaaaa, glóriaaa, glória ao paaaaaaaaai...” ou o lindo “Santificado seja nosso Deeeeeeeeeeeus...”. Belos hinos. Porém, o melhor estava guardado. Quando o trio puxou o Lá menor seguido de um Sol maior, as velhinhas erguiam suas bandeiras e cantavam:
“Vamos rezar até cair!!”

(ahn?!)

“Vamos rezar até cair!!”

(que porra é essa, man!?)

“Vamos rezar até cair!!”

(Véias doidas do caralho!!!)

“Vamos rezar até cair nas graças de Deus”

(Ah, tá, entendi...)

É algo muito mais baiano, florido, chicletão, dançante e contemporâneo. Viva!

Um comentário:

Marcela disse...

uhauhauhauhauhauhauhua... aqui no bonfim eh rotina esse "trio das beatas"!!! hahahahahha... mas essa musiquinha eh nova!!!! =P